2 a 4 de outubro de 2018

PRO MAGNO - São Paulo, SP

Inscrições

Inscreva-se

Cursos

IMPORTANTE: Os cursos ministrados em 1/10 não estão inclusos nas inscrições ABM WEEK e deverão ser adquiridos à parte.
LOCAL: Sede da ABM - Rua Antonio Comparato, 218 | Campo Belo | São Paulo - SP
Público-alvo

Alunos de graduação em engenharia,  engenheiros, técnicos da área de produção e área de qualidade, que atuam com processos de aciaria e fornecedores de insumos para a siderurgia.Alunos de graduação em engenharia,  engenheiros, técnicos da área de produção e área de qualidade, que atuam com processos de aciaria e fornecedores de insumos para a siderurgia.Alunos de graduação em engenharia,  engenheiros, técnicos da área de produção e área de qualidade, que atuam com processos de aciaria e fornecedores de insumos para a siderurgia.Alunos de graduação em engenharia,  engenheiros, técnicos da área de produção e área de qualidade, que atuam com processos de aciaria e fornecedores de insumos para a siderurgia.

Objetivo

Divulgar conhecimento teórico e prático sobre escórias de Refino Primário e Secundário, de maneira objetiva e com materiais atualizados dos mais recentes estudos desenvolvidos sobre o tema. Serão abordados desde conceitos gerais de escórias, até os conceitos mais específicos, de acordo com as diferentes funções que as escórias desempenham nas operações de refino.Divulgar conhecimento teórico e prático sobre escórias de Refino Primário e Secundário, de maneira objetiva e com materiais atualizados dos mais recentes estudos desenvolvidos sobre o tema. Serão abordados desde conceitos gerais de escórias, até os conceitos mais específicos, de acordo com as diferentes funções que as escórias desempenham nas operações de refino.Divulgar conhecimento teórico e prático sobre escórias de Refino Primário e Secundário, de maneira objetiva e com materiais atualizados dos mais recentes estudos desenvolvidos sobre o tema. Serão abordados desde conceitos gerais de escórias, até os conceitos mais específicos, de acordo com as diferentes funções que as escórias desempenham nas operações de refino.Divulgar conhecimento teórico e prático sobre escórias de Refino Primário e Secundário, de maneira objetiva e com materiais atualizados dos mais recentes estudos desenvolvidos sobre o tema. Serão abordados desde conceitos gerais de escórias, até os conceitos mais específicos, de acordo com as diferentes funções que as escórias desempenham nas operações de refino.

Coordenadores
  • Antônio Cezar Faria Vilela – coordenador do LaSid/UFRGS
  • Wagner Bielefeldt – coordenador da Área de Aciaria do LaSid/UFRGS
Docentes
  • Vinícius Cardoso da Rocha – instrutor/doutorando do LaSid/PPGE3M/UFRGS
  • Rodolfo Arnaldo Montecinos De Almeida – instrutor/doutorando do LaSid/PPGE3M/UFRGS
Programa
  • Fundamentos
  • Diagramas de fase para estudos de escórias
  • Saturação de escórias
  • Relação entre estrutura e propriedades
  • Escórias de refino primário, refino secundário e lingotamento
  • Capacidades de fósforo, enxofre e hidrogênio
  • Escórias e limpeza inclusionária
INSCREVA-SE

 

 

 

 

Objetivo

O treinamento visa discutir a aplicação de alguns reagentes químicos usados principalmente no Tratamento ou Beneficiamento de Minérios e os cuidados a serem observados no manuseio e estocagem de diferentes produtos químicos cujo manuseio e/ou estocagem inadequados podem comprometer a sua qualidade e expor os colaboradores a diversos riscos de segurança, podendo comprometer a saúde destes e comprometer o desempenho da empresa, seja pela perda de desempenho dos reagentes, seja pelos custos com acidentes.

Público-alvo

Engenheiros, técnicos e pessoas encarregadas de recepção, manuseio e uso de reagentes químicos na mineração e indústrias correlatas, fabricantes e transportadores de reagentes químicos, projetistas e engenheiros de processo que apliquem reagentes químicos na mineração e demais interessados nesta área de conhecimento. O curso não demanda maiores conhecimentos químicos. Visa a aplicação e a segurança no uso.Engenheiros, técnicos e pessoas encarregadas de recepção, manuseio e uso de reagentes químicos na mineração e indústrias correlatas, fabricantes e transportadores de reagentes químicos, projetistas e engenheiros de processo que apliquem reagentes químicos na mineração e demais interessados nesta área de conhecimento. O curso não demanda maiores conhecimentos químicos. Visa a aplicação e a segurança no uso.Engenheiros, técnicos e pessoas encarregadas de recepção, manuseio e uso de reagentes químicos na mineração e indústrias correlatas, fabricantes e transportadores de reagentes químicos, projetistas e engenheiros de processo que apliquem reagentes químicos na mineração e demais interessados nesta área de conhecimento. O curso não demanda maiores conhecimentos químicos. Visa a aplicação e a segurança no uso.Engenheiros, técnicos e pessoas encarregadas de recepção, manuseio e uso de reagentes químicos na mineração e indústrias correlatas, fabricantes e transportadores de reagentes químicos, projetistas e engenheiros de processo que apliquem reagentes químicos na mineração e demais interessados nesta área de conhecimento. O curso não demanda maiores conhecimentos químicos. Visa a aplicação e a segurança no uso.

Coordenador
  • José Renato B. Lima – professor Doutor do Departamento de Engenharia de Minas e  Petróleo da Universidade de São Paulo (USP)
Docentes
  • José Renato B. Lima – professor Doutor do Departamento de Engenharia de Minas e  Petróleo da Universidade de São Paulo (USP)
  •   Wanderson Toledo – engenheiro da Univar
Conteúdo
  • Tratamento ou Beneficiamento de Minérios: definição quanto aos aspectos físicos e químicos.
  • Principais setores que usam reagentes químicos na mineração: flotação, espessamento, filtragem, moagem, manuseio de polpas.
  • Principais setores ou funções de uso de reagentes na mineração: flotação: coletores, espumantes, depressores, ativadores, desativadores, controladores de pH; conservação de estruturas ou equipamentos:  retardadores de corrosão; desaguamento: espessantes (coagulantes e floculantes), auxiliares de filtragem, auxiliares de desaguamento e outros.
  • Principais reagentes ou famílias de reagentes: aminas, polissacarídeos, ácidos inorgânicos (sulfúrico, clorídrico) e orgânicos (ácidos graxos), soda, cal, barrilha, cianetos, sulfeto/hidrossulfeto de sódio, xantatos (PAX e outros), sais inorgânicos: sulfato de cobre e outros; espumantes: MIBC e outros, PPG, Mercaptanas e derivados e outros.
  • Uso de Poliuretano na mineração. Segurança e riscos. Cuidados no transporte, armazenamento e uso.

 

 

Patrocínios e Apoios

Patrocinadora Master
CBMM
Patrocinadora Premium
ARCELLORMITTAL
GERDAU
PAUL WURTH
PRIMETALS
TERNIUM
USIMINAS
VESUVIUS
Villares
WHITEMARTINS
Patrocinadora Metais
AÇOKORTE
APERAM
ATOMAT
BEDA
BRC
Calderys
CISDI
CLARIANT
Condat
Danieli
DDMX
ESW
Fosbel
Harsco
IBAR
Imerys
IMS
Ingersoll Rand
KUTNNER
LECHER
MAGNECO METREL
MAPTEK
MICROSOFT
Nalco
PSI
Pyrotek
Reframax
RHI MAGNESITA
RIP
SAINT-GOBAIN
SPRAYING SYSTEMS
SUNCOKE
TECNOSULFUR
TIMKEN
UNIFRAX
VALE
Vamtec
VIRIDIS
WEIR
PNUD
Apoio
Abendi
AÇO BRASIL
ANUT
CNPq
SAE Brasil
ABM

inscricão ABM

Associação ABM